Imprimir

5 números chocantes do “arpocalipse” chinês

. Acessos: 1222

Por Vanessa Barbosa (Exame)

A poluição atmosférica na China coleciona números dignos de pesadelo ambiental, e daqueles que se repetem, como um déjà vu. É o preço salgado que a locomotiva asiática está pagando por um crescimento econômico que sempre fechou os olhos para os impactos no meio ambiente e na saúde da população.

 

Desde janeiro, o governo chinês vem anunciando medidas para contornar o problema, que incluem a melhoria da qualidade do combustível, a limitação do número de carros que podem circular nas ruas e o aumento dos investimentos em energias renováveis. Veja abaixo alguns dos números chocantes do “arpocalipse” chinês.

.2,5 bilhões de anos de vida (a menos)..

Imagina o que acontece após uma vida inteira de exposição à poluição? Estudo publicado esta semana no periódico científico Proceedings, da Academia Nacional de Ciências dos EUA e baseado em estatísticas de 1981 a 2001, indica que a poluição reduzirá em 5,5 anos a expectativa de vida de quem mora na região, em comparação aos vizinhos do sul. Combinados, os 500 milhões de habitantes da região deverão perder mais de 2,5 bilhões de anos de vida pela exposição à poluição.

.Níveis 35 x acima do limite seguro..

Já virou rotina. Todos os anos, os níveis de poluição atmosférica na China batem recordes atrás de recordes. A máxima este ano foi verificada entre janeiro e fevereiro, quando a concentração de poluentes no ar chegou a 886 microgramas de partículas por metro cúbico, valor 35 vezes acima dos 25 microgramas considerados seguros para a saúde humana.

.1,2 milhão de mortes prematuras..

Um estudo recente feito com apoio da Agência de Proteção Ambiental dos EUA indica que a poluição atmosférica contribui para nada menos do que 1,2 milhão de morte prematuras no país em 2010.

 


Fonte: Exame.com - Meio Ambiente e Energia

{fcomment id = 114}

Você é registrado? Efetue login no menu a direita ou Clique aqui...

ALERJ

DMC Firewall is a Joomla Security extension!