Imprimir

30 maneiras práticas de deixar o dia a dia mais sustentável

. Acessos: 84

0 maneiras práticas de deixar o dia a dia mais sustentáve

Com pequenas mudanças, podemos conseguir grandes conquistas

O futuro é agora, hoje, nesse segundo. Por isso, as atitudes que você toma desde já fazem total diferença na qualidade de vida que você tem e no mundo em que seus filhos crescerão e criarão seus netos.

O papo pode parecer uma bronca, mas é extremamente necessário discutir pontos importantes que definem como vivemos e lidamos com o meio ambiente, tais como:

Há muitos danos sim, mas a boa notícia é que a gente ainda consegue reverter esse quadro e ajudar o planeta. Basta adotar medidas simples dentro e fora de casa. Se cada um fizer um pouquinho, o impacto será positivo. Afinal, ser sustentável é pensar no todo e agir em prol do grupo.

A empreendedora social Marianne Costa, 31 anos, já começou a fazer a sua parte e trouxe Maria Luiza, de 2 anos e meio, junto.

“Escolhemos a pedagogia Waldorf para educar nossa filha. Na escola dela tem horta, pomar, galinhas. Vira e mexe ela volta para casa suja de terra e é nisso que acreditamos. Lá ela aprende brincando valores humanos, como conviver em harmonia com a natureza, com as pessoas, com os animais”, exemplifica ela, que lidera a Raízes Sustentável, projeto que trabalha com turismo de base comunitária.

Além da educação da filha na escola, Marianne envolve a pequena e o marido em ações sustentáveis dentro de casa. “Diminuímos o consumo geral; doamos brinquedos e livros; focamos em presentes mais significativos, como artesanatos e os ecologicamente corretos; fazemos compras semanais para evitar o desperdício”, exemplifica.

Eles também reutilizam a água da máquina de lavar para limpeza, separam o lixo orgânico para composteira e usam a bicicleta para transitar pelo bairro. “Também boicotamos marcas envolvidas em trabalho escravo”, acrescenta.

Você também quer dar sua contribuição? Pedimos ajuda à empresária Fernanda Cortez, idealizadora do projeto “Menos 1 Lixo”, que incentiva a diminuição da produção do lixo através de substituição dos copos descartáveis por um modelo reutilizável.

É ela quem lista 30 dicas fáceis para qualquer família adotar no dia a dia e conseguir manter uma vida cada vez mais sustentável.

1. Frequente brechós. Afinal, criança perde roupa muito rápido e tem ótimas opções de segunda mão. Você pode tanto vender como comprar peças ali.

2. Reaproveite roupas. Sabe aquela peça do filho mais velho?! Então, passe-a para o mais novo ou participe de feiras de trocas, que podem ser organizadas por você mesma com as mães da escola das crianças.

3. Ensine seu filho a dividir. Isso ajuda a ser menos individualista, pensando em uma sociedade para o consumo colaborativo.

4. Faça do ensopado de hoje o suflê de amanhã. Ditado popular sempre tem razão. Aproveite os alimentos ao máximo, utilizando cascas, talos em outras receitas. Não desperdice!

5. Economize! Não deixar torneira e chuveiro ligados sem estarem em uso é passo básico. Luz ligada ou porta de geladeira aberta, então, nem pensar!

6. Junte bastante roupa para lavar tudo de uma vez. Assim, você enche a máquina de lavar, sem desperdiçar água.

7. Transforme a capa velha da almofada em uma linda boneca de pano.

8. Alugue brinquedos e utensílios que as crianças perdem rápido, como cadeirinha de comer, andador etc. Você também pode disponibilizar suas peças quando os filhos não as usarem mais.

9. Substitua sacolas plásticas por ecobags. E, sempre que der, coloque o que comprou na bolsa do dia a dia. Aí nem em ecobags você precisará investir.

10. Compre a granel. Menos embalagens e produtos comprados na quantidade certa significam menos desperdício também.

11. Recheie a lancheira com mais frutas e alimentos não processados. Isso é melhor para a saúde das crianças e gera menos lixo.

12. Use copo reutilizável. Vale tanto para as crianças quanto para os adultos, que podem evitar o uso de copos e mais copos de plástico durante o dia.

13. Faça compostagem doméstica. É fácil, as crianças já aprendem desde cedo a separar os alimentos orgânicos e entendem na prática que tudo na natureza se transforma, além de ser uma ótima forma de deixar as plantas sempre adubadas.

Um bebê utiliza em média 5.000 fraldas descartáveis. Cada fralda descartável levará de 250 a 500 anos para ser decomposta. No Brasil, mais de 200 fraldas são descartadas por segundo, ou seja, mais de 17 milhões de fraldas por dia
Um bebê utiliza em média 5.000 fraldas descartáveis. Cada fralda descartável levará de 250 a 500 anos para ser decomposta. No Brasil, mais de 200 fraldas são descartadas por segundo, ou seja, mais de 17 milhões de fraldas por dia (Fonte: http://eccomama.blogspot.com.br)

14. Use fraldas de pano sempre que possível. Os aterros estão lotados de fraldas descartáveis.

15. Prefira alimentos orgânicos. Eles são melhores para seus filhos, para você e para o meio ambiente.

16. Troque as máquinas de café expresso pelas que não usam cápsulas. Valem cafeteira italiana, cafeteira elétrica que não precisa de filtro, o modelo francês e o velho e bom coador de pano.

17. Reutilize água. Sabia que a água que sai do ar-condicionado serve para molhar plantas, lavar roupa e dar descarga?

18. Utilize a última água que sai da máquina de lavar roupa. Você pode aproveitá-la para colocar roupas de molho, dar descarga e lavar o chão.

19. Policie-se sobre o uso da água. Lave seu carro somente uma vez por mês e, mesmo assim, com balde para não haver desperdício.

20. Diga não à segunda via do cartão de crédito. Assim, você evita o desperdício de 40 metros de papel por pessoa por ano.

21. Vá de bicicleta. Prefira esse transporte, que é menos poluente, não enfrenta engarrafamento e ainda mostra um novo ponto de vista da cidade.

22. Troque seu absorvente descartável pelo reutilizável, mais conhecido como “copinho”. Ok, não é todo mundo que gosta, mas ele não vaza, é antialérgico e dura até 10 anos.

23. Incentive a economia local. Produtos assim movimentam a economia e necessitam de menos combustível para transporte.

24. Prefira produtos com refil. As embalagens costumam ser mais simples e, por isso, mais baratas e usam menos materiais.

25. Prefira produtos concentrados. Eles usam menos plástico nas embalagens e, por conta da composição, rendem mais.

26. Use transporte coletivo. Isso significa menos emissão de CO2, menos carros nas ruas, menos barulho e menos engarrafamentos.

27. Diminua a ingestão de carne. Só para ter uma ideia mínima do impacto positivo, se você não comer carne 1 vez por semana, deixa de emitir 420 kg de CO2 por ano. Ao longo da vida, é o equivalente a ter plantado 5 árvores.

28. Instale redutores de vazão nas torneiras de casa. Essas pecinhas custam muito barato e chegam a economizar 40% da água que vai pelos ralos e você nem percebe.

29. Deixe para dar descarga a cada dois xixis. Em uma família de três pessoas, isso gera uma economia de até 1.800 litros de água por mês.

30. Leve seu filho para brincar em parques e praias. Não tem forma melhor de despertar nele a consciência da preservação ambiental do que convivendo muito com a natureza.

(Fotos: Getty Images)

Fonte: http://disneybabble.uol.com.br.

ALERJ

DMC Firewall is a Joomla Security extension!