Imprimir

URGENTE: Ajude a salvar milhares de animais dos testes antiquados e cruéis de agrotóxicos no Brasil!

. Acessos: 69

1160

Você sabia que até 10.000 cães, roedores, coelhos, aves e peixes podem ser utilizados no registro de um único novo produto agroquímico no Brasil? Esses animais são submetidos a cruéis testes de envenenamento, forçados a engolir ou inalar enormes quantidades de químicos ou ter essas substâncias tóxicas friccionadas em suas peles ou gotejadas em seus olhos.

 

No momento, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) ainda exige que as empresas testem em animais mesmo quando métodos alternativos que não utilizam animais e são considerados mais seguros e eficientes estão disponíveis. Se estes métodos mais modernos se tornarem obrigatórios e forem incorporados pelas empresas, o número de animais utilizados nos testes de agrotóxicos no Brasil poderá ser reduzido pela metade.

A ANVISA está trabalhando para revisar os seus requisitos de testes de agrotóxicos e irá anunciar a decisão final até junho de 2017. Esse processo significará a diferença entre a vida e a morte de dezenas de milhares de animais.

Nós não temos muito tempo para convencer as autoridades a fazer a coisa certa.

Por favor, junte-se a nós hoje e solicite que a ANVISA modernize seus requisitos para testes de segurança de agrotóxicos, tornando o setor de testes de segurança de agroquímicos mais ético e mais seguro para a sociedade como um todo. #AnvisaPoupeVidas

Fonte: Care2.

ALERJ

DMC Firewall is a Joomla Security extension!