Imprimir

Buenos Aires vai fechar zoológico e devolver animais à natureza

. Acessos: 289


953Novos animais chegarão ao local, mas não para servir como exposição aos visitantes. | Foto: Divulgação

Para o prefeito local, Horacio Rodríguez Larreta, manter animais selvagens em cativeiro é degradante.

O zoológico de Buenos Aires é há anos um dos principais pontos turísticos da capital argentina. Mas, o local, que conta com mais de 44 acres e 2.500 animais, está com os dias contatos. Para o prefeito local, Horacio Rodríguez Larreta, manter animais selvagens em cativeiro é degradante.

Durante o anúncio da decisão, o prefeito salientou que zoológicos não são o melhor jeito de cuidar dos animais. “O que temos de valor são os animais. A maneira como eles vivem aqui não é, definitivamente, a maneira correta de fazer isso”, explicou o prefeito.
O zoológico de Buenos Aires existe há 140 anos, mas, de acordo com o projeto do governo, em breve ele se tornará um “Eco Parque”. Os animais selvagens que estão em boas condições de saúde serão soltos em reservas florestais. Apenas ficarão os animais muito velhos e que não suportariam voltar à natureza.

Novos animais chegarão ao local, mas não para servir como exposição aos visitantes. No novo formato, o Eco Parque receberá animais resgatados, que passarão por processos de reabilitação até terem condições adequadas de voltarem à vida livre.

A decisão foi comemorada por ativistas. Apesar de famoso internacionalmente, o zoológico argentino também já foi alvo de denúncias que evidenciavam condições inadequadas para a sobrevivência dos animais. “A coisa mais importante é romper com o modelo de cativeiro e exposição”, opinou o ativistas e advogado dos direitos animais, Gerardi Biglia, em declaração ao The Guardian.


Fonte: CicloVivo.

ALERJ

DMC Firewall is a Joomla Security extension!