Imprimir

Austrália vai banir a venda de cosméticos testados em animais

. Acessos: 141

934

É isto que não entendo da Austrália: avançada em tantas coisas e incoerente com o destino dos animais, posto que, volta e meia, promove massacres de animais

colaboração Helô Arruda

O Governo Federal australiano proibiu a venda de produtos testados em animais, o que provocou a proibição de um conjunto abrangente de produtos cosméticos, pastas de dentes e produtos de maquiagem.

A partir de julho de 2017, a venda de quaisquer produtos que tenham sido testados em animais será proibida em todos os estados australianos, publicou o Herald Sun.

Marcas de cosméticos mais populares, incluindo L’Oreal, Revlon, e Estée Lauder estão entre as que podem ser afetadas no âmbito da reforma. Os produtos existentes não serão retirados das prateleiras, no entanto novos produtos serão rigorosamente fiscalizadas nos termos da lei.

O assistente do ministro da saúde Ken Wyatt explicou a nova política em Melbourne, no que ele considerou um passo positivo para a Austrália. “Nós não precisamos mais testar cosméticos em animais e muitos países, incluindo a União Europeia, já proibiram o uso de ingredientes cosméticos testados em animais. ‘

A RSPCA fez campanha para que a medida fosse introduzida por anos, observando que há mais de 20.000 ingredientes químicos seguros acessíveis para os fabricantes. O movimento ainda permitirá que “a experimentação animal responsável” – tais como testes para o desenvolvimento de drogas medicinais.

O partido trabalhista se comprometeu a trazer uma reforma semelhante se ganhar a eleição em 02 de julho.

 

Fonte: Daily mail/ogritodobicho.com

ALERJ

Our website is protected by DMC Firewall!