Imprimir

Novas esperanças para a Lagoa de Araruama

. Acessos: 921

691

A comissão da Alerj realizou uma visita técnica nos municípios afetados pela mortandade de peixes na Lagoa de Araruama, na Região dos Lagos e o primeiro local a ser visitado foi a Estação de Tratamento de Esgoto de Arraial do Cabo, que de acordo com os dados do Inea (Instituto Estadual do Ambiente) apontam 80% do esgoto despejado sem tratamento na Lagoa. A superintendente do Inea na Baixada Litorânea, Márcia Simões Mattos, destacou que o índice de coliformes fecais dessa água é alarmante. “A lagoa não pode morrer. A vocação da nossa região é turística e sem a lagoa isso não acontece”, disse a representante do secretário de Estado do Ambiente.

A vistoria foi acompanhada pelo prefeito de Arraial do Cabo, Wanderson Cardoso de Britto (Andinho), que assumiu as falhas no tratamento. “Não existe despejo de esgoto sem tratamento. Nós temos a estação de tratamento que está em condições precárias e sabemos que a água sai com alto teor de coliformes fecais. Vamos assumir essa responsabilidade” apontou o chefe do executivo.

O prefeito ainda afirmou que um estudo, em parceria com a Fundação Getúlio Vargas, pode viabilizar a transferência do tratamento de esgoto para a Prolagos (atualmente é feito pela Prefeitura) e já está em processo de finalização.
A deputada estadual Marcia Jeovani solicitou que o estudo da Prefeitura de Arraial do Cabo seja apresentado à Comissão de Assuntos Municipais e reafirmou sua preocupação com a lagoa e pescadores locais.

“Temos também centenas de famílias que sobrevivem dessa lagoa e os nossos pescadores precisam de nossa atenção e da manifestação do poder público sobre as ações que estão sendo tomadas para sanar esse problema da mortandade de peixes”, disse a deputada estadual Marcia Jeovani.

Entre as medidas de recuperação da Lagoa cobradas pela presidente da Comissão de Assuntos Municipais está a abertura do Canal do Pontal e a representante do Inea ficou de enviar um engenheiro da diretoria de Recursos Hídricos para fazer avaliação no prazo de 15 dias.

A deputada estadual Marcia Jeovani (PR), presidente da Comissão de Assuntos Municipais e Desenvolvimento Regional, solicitou o desassoreamento do Canal Itajuru, em Cabo Frio, como primeira medida para a revitalização e oxigenação da Lagoa de Araruama

691-2A deputada estadual Marcia Jeovani solicitou que o estudo da Prefeitura de Arraial do Cabo seja apresentado à Comissão de Assuntos Municipais e reafirmou sua preocupação com a lagoa e pescadores locaisO superintendente da Concessionária Prolagos, Carlos Roma, acompanhou de perto a comissão em São Pedro da Aldeia e deu um prazo de até três meses para ser iniciada a obra de saneamento da praia de Camerum, anúncio feito perante aos representantes da Colônia de Pescadores.

A Estação de Tratamento de Esgoto da Concessionária de Águas de Juturnaíba, em Ponte dos Leites, foi apontada pela superintendente do Inea como uma estação modelo para as outras concessionárias melhorarem seu desempenho ecológico e firmarem compromisso com o bem estar da Lagoa de Araruama. O superintendente Carlos Gontijo falou do sistema Wetlands implantado por meios naturais e com tratamento de 200 litros por segundo. As fibras das plantas que fazem parte do processo são utilizadas para a produção artesanal por três comunidades carentes.

O prefeito de Araruama, Miguel Jeovani, parabenizoub a parlamentar pela iniciativa de fiscalizar os municípios e acompanhar as ações governamentais que impeçam o desequilíbrio ambiental da Lagoa. “É o nosso maior patrimônio e leva o nome da nossa cidade. Cada um tem que fazer a sua parte e cada município precisa prestar contas do que está sendo feito para impedir a entrada de esgoto na Lagoa”, disse o chefe do executivo araruamense.

O prefeito de São Pedro da Aldeia e presidente do Consórcio Intermunicipal Lagos São João Cláudio Chumbinho, o secretário executivo do CILSJ Ricardo Senra, o diretor presidente do Fiperj José Essiomar Gomes, os secretários de Meio Ambiente de Araruama, Arraial do Cabo e São Pedro da Aldeia, e o deputado estadual Jânio Mendes participaram também da agenda na região.

Em diversos pontos amostras da água foram colhidas para análise.


ALERJ

Our website is protected by DMC Firewall!